top of page

UNICEP incentivou a prevenção do câncer de mama no Outubro Rosa com ação entre as mulheres


Durante o mês de outubro, a UNICEP incentivou a prevenção ao Câncer de Mama, contribuindo para o Outubro Rosa. A ação principal aconteceu no dia 11 de outubro, quando os cursos de Nutrição, Fisioterapia e Odontologia realizaram atividades para os docentes e colaboradores da instituição.


A Nutrição preparou um café da manhã e falou sobre alimentos que previnem câncer, além de passarem receitas e dicas de alimentação, o curso de Fisioterapia trouxe orientações com auxílio da mamamiga e a Odontologia, realizou orientações sobre aromaterapia e massagem das mãos.


A Cirurgiã Dentista e Professora da UNICEP do curso de Odontologia, Fernanda Gonçalves Duvra Salomão, participou ensinando a massagem antiestresse com aromoterapia: “É muito importante participar do outubro rosa, para esclarecer e sensibilizar as pessoas da importância do diagnóstico precoce do câncer de mama.”.


A docente ainda apresentou estatísticas importantes: “Depois do câncer de pele, é o tipo mais comum e também é o que causa mais mortes por câncer em mulheres. O risco de desenvolver a doença aumenta com a idade, sendo maior a partir dos 50 anos.”. Os principais fatores de risco são: obesidade e sobrepeso, sedentarismo, consumo de bebida alcoólica, exposição frequente a radiações ionizantes. Portanto, para diminuir o risco, deve-se procurar melhorar a qualidade de vida. Manter o peso corporal adequado, praticar atividade física e evitar o consumo de bebidas alcoólicas. A amamentação também é considerada um fator protetor.


E Fernanda ainda alertou que “para o diagnóstico precoce, segundo o Inca, é recomendado que mulheres de 50 a 69 anos façam uma mamografia a cada dois anos. Ao observar os sintomas a seguir, deve-se procurar o mais cedo possível: caroço (nódulo) endurecido, fixo e geralmente indolor. É a principal manifestação da doença, estando presente em mais de 90% dos casos, alterações no bico do peito (mamilo), pequenos nódulos na região embaixo dos braços (axilas) ou no pescoço, saída espontânea de líquido de um dos mamilos, pele da mama avermelhada, retraída ou parecida com casca de laranja. Lembrando que os homens também podem ter câncer de mama, mas a incidência é bem mais baixa. Portanto, todos devem estar atentos aos sintomas, fazer o autoexame e as mulheres devem realizar a mamografia conforme a recomendação.”.


A Pedagoga, Doutora em Educação e Coordenadora do NEaD/UNICEP, Aldrei Galhardo, falou sobre a ação: “Acredito que a ação foi importante porque não apenas fez um lembrete de que o mês de outubro é um mês de incentivo aos exames preventivos do câncer, mas porque ela teve um caráter educativo e informativo. Penso que as campanhas devem ter essa natureza mesmo, para que as pessoas compreendam o quanto um simples exame preventivo é capaz de evitar um problema importante, como o câncer de mama ou do colo do útero. Também, para a importância do autoexame. É fundamental que as pessoas criem o hábito de observarem a si mesmas e a frequentarem os locais para a realização dos exames especializados.”.


E ainda explicou: “A informação de que o preventivo salva muitas vidas e de que isto é comprovado estatisticamente, precisa ser ampliada e nesse sentido, a campanha atingiu o seu objetivo. Penso que isso tenha acontecido, ainda, de uma forma acolhedora e empática, porque a organização do evento e de todo o mês deixou as pessoas confortáveis e abertas à informação. Além disso, o envolvimento interdisciplinar que trouxe a participação dos alunos, docentes, coordenações e colaboradores, amplia o caráter educativo da ação e a integração maior entre os setores e as pessoas aqui na UNICEP.”.


A Assistente Financeiro da UNICEP, Lisiane C. Gonçalves de Souza, afirmou: “Para mim, esse movimento do Outubro Rosa, além de promover a conscientização sobre o câncer de mama é uma campanha que nos faz olhar com atenção para a nossa saúde. Algumas pessoas que conheço e que enfrentaram essa doença estão sempre enfatizando que a luta não pode parar, e por esse motivo há um grande engajamento sobre a importância do autoexame. Todas nós sabemos que a prevenção ainda é o maior aliado para o tratamento eficaz do câncer de mama. Conheça o seu corpo, faça o autoexame e seguimos nos cuidando!”.


Ana Maria Vilicev, Auxiliar Administrativo da UNICEP, também participou da atividade promovida pela UNICEP: “É muito importante uma vez que não só conscientiza funcionários, professores e alunos quanto, à necessidade de atentar para ações que resultem no controle do câncer de mama, doença muito comum entre as mulheres, como propicia a interação entre os colaboradores, pelas atividades realizadas na Instituição, tornando o ambiente agradável e acolhedor. Atividades como essa devem ser valorizadas porque cumprem o importante papel de reiterar que a ação é relevante por exaltar a importância do auto cuidado, pois é através dele que pode ser percebida qualquer alteração no corpo, bem como ressaltar a necessidade de realizar os exames médicos adequados com frequência para manutenção da saúde, além, é claro, de adotar hábitos que ajudem na prevenção, como exemplo, evitar exposição aos fatores de risco de câncer e ter um modo de vida saudável.”.





Texto: Ana Lívia Schiavone

Comentarios


bottom of page