top of page

Estudantes de São Carlos participam da 4ª edição do programa de estágio visita do Crea-SP

AEASC incentivou e deu apoio logístico para a experiência dos futuros profissionais




O estágio visita ‘Por dentro do Crea-SP’ realizou no dia 18 de setembro o quarto e último grupo de 2023 na jornada de conhecimento na área tecnológica. O programa, que promove uma imersão nas atividades do Conselho, contou com 90 participantes, entre universitários e recém-formados nos cursos de Engenharia, Agronomia e Geociências, entre eles representantes de São Carlos.


A Associação dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos de São Carlos – AEASC, fez intensa divulgação juntos aos cursos existentes na cidade para que os estudantes pudessem participar desse evento especial criado e realizado pelo Crea-SP. “Foi gratificante acompanhar os alunos no primeiro dia e depois ouvir o feedback deles. A AEASC está fazendo o seu papel com os futuros profissionais do sistema Confea Crea e esperamos que mais alunos das 3 universidades de São Carlos se inscrevam e sejam contemplados por essa oportunidade de acabar com alguns mitos. Quero parabenizar o Crea-SP por essa iniciativa em aproximar os futuros profissionais e recém-formados do Sistema Confea Crea.”, declarou Laert Rigo, presidente da AEASC.


No segundo dia de programação, os futuros profissionais foram levados até à cidade de Bragança Paulista para vivenciar as ações de fiscalização no município e participar de aulas sobre a Anotação de Responsabilidade Técnica (ART), Certidão de Acervo Técnico (CAT) e a importância dos documentos para o exercício legal das profissões, além de destacar também os benefícios da Caixa de Assistência dos Profissionais do Crea (Mútua) e a obrigatoriedade do cumprimento do salário-mínimo profissional. “As palestras informativas e as conversas com os colegas me proporcionaram uma experiência valiosa sobre os desafios e as oportunidades que enfrentamos na nossa vida profissional. E que o Crea-SP desempenha um papel fundamental na regulação e no desenvolvimento dessas áreas. Foi uma honra aprender mais sobre o compromisso com a excelência e a ética nas nossas profissões.”, contou Anderson Leonel, aluno de engenharia civil da UNICEP.


Já com capacetes do Conselho, os estudantes e recém-formados foram aplicar o aprendizado em visita a duas fábricas no município em operações de fiscalização em uma indústria multinacional de ferramentas de precisão e em uma empresa produtora de sementes, flores e hortaliças.

“Foi muito legal poder sair da faculdade e ver o que nós aprendemos em sala de aula agora, na prática. Pude ver que o Crea-SP com associações como a AEASC e a Mútua são muito úteis na vida do profissional. Está tudo interligado e nós devemos trabalhar juntos para a melhoria da qualidade de vida aqui de São Carlos e das outras cidades.”, disse Gabriela de Oliveira, estudante de Engenharia Agronômica da UNICEP.


Os futuros profissionais estiveram na sessão plenária do Conselho, realizada no dia 21, na Sede Angélica, para o encerramento do programa.


“Os alunos conheceram a real função do Crea-SP, que busca valorizar, proteger e crescer junto aos profissionais. O objetivo dessa iniciativa é impactar positivamente a carreira deles, desde a formação”, explicou o vice-presidente no exercício da Presidência do Conselho, eng. Mamede Abou Dehn Jr. “Queremos que voltem, já fazendo parte do Sistema e ocupando as cadeiras do plenário”, completou.


O estágio visita causou mudanças profundas na forma como os estudantes de São Carlos entendem o Sistema Confea Crea e reforçaram a confiança na escolha profissional de cada um: “Eu fui pra lá com uma visão muito pessimista. Não sabia direito o que esperar e ouvi muita gente dizendo que o Crea nunca ajudou ninguém. No estágio visita puder ver o trabalho sério de todo o sistema, as ofertas de capacitação, promoção de jovens, auxílio para cursos e workshops... Estou muito feliz por participar do programa, agradeço muito a AEASC pelo transporte e ao Crea-SP por nos dar essa oportunidade. Se antes eu tinha dúvida de que era engenharia que eu queria exercer essa dúvida acabou, é o que eu posso te garantir.”, contou Paulo Henrique Silva Souza que cursa engenharia de produção.


A comparação da compreensão sobre as entidades fiscalizadoras e representativas antes e depois da experiência foi feita também por Gabriela de Oliveira:

“Antes eu tinha uma visão errada do Crea-SP por causa de informações que um profissional me passou. Lá no estágio visita pude perceber que esse profissional não conhece o Crea-SP, os programas oferecidos como o Crea Jovem, Crea Capacita e tantos outros que ajudam o profissional a se adequar ao mercado de trabalho e a fiscalização que protege o profissional e a população.”.


Iniciado em março, o programa, que já recebeu mais de 300 estagiários-visitantes de diversos municípios paulistas, apresenta desde as funções administrativas às ações fiscalizatórias da autarquia em uma imersão de quatro dias. Dentre as atividades realizadas, os universitários foram levados às operações das unidades do Crea-SP em Osasco, Campos do Jordão, Sorocaba e Bragança Paulista.


“Minha participação no estágio visita foi inspiradora e informativa. Estou muito ansioso para aplicar tudo o que eu aprendi, todo o conhecimento que me foi passado neste evento na minha futura vida profissional. Sou extremamente grato. Para mim foi muito especial!”, concluiu Anderson Leonel.


Produzido pela Atento Comunicação, assessoria de imprensa da AEASC com informações da CDI Comunicação

Kommentare


bottom of page