UNICEP e Brotas são parceiras e auxiliam pequenos e médios agricultores

A Prefeitura Municipal da Estância Turística de Brotas, através da Secretaria Municipal de Agricultura, vem incentivando a produção de alimento local realizada pelos pequenos e médios agricultores. E desde 2019, a secretaria desenvolve um projeto para auxiliar esses produtores, em parceria com estudantes do curso de Agronomia da UNICEP que auxiliam na análise química do solo dos produtores da cidade.

De acordo com o Secretário Municipal de Agricultura da Estância Turística de Brotas, Luiz Fernando Braz da Silva, uma das dificuldades encontradas era a falta de informação sobre as características e manejo ideal do solo para a produção agrícola. Qual o tipo de solo, qual a melhor cultura para plantio? Como tratar o solo da melhor maneira? 

“Assim criamos o Projeto Raiz, para trazer conhecimento técnico sobre o solo através de uma análise científica com base técnica necessária para as tomadas de decisões. Os produtores em sua maioria não conhecem o solo em que plantam. Realizam o plantio, a adubação, o tratamento, mas sem a devida orientação técnica e sem saber a realidade do solo onde tem sua produção. Conhecer o solo, os nutrientes que lá estão disponíveis para as plantas e outras características, são fundamentais para se obter produção com qualidade e produtividade, além de poder trabalhar as questões relativas à conservação e maior eficiência na produção.”, explicou o secretário.
 
E contou que o primeiro ciclo de análises e orientações aconteceu em 2019 e 2020, pela seleção das propriedades que seguiu os seguintes critérios: serem fornecedores de alimentos para o Programa de Compras Públicas (ex. PNAE - Programa Nacional de Alimentação Escolar); e/ou participantes da Feira do Produtor Rural e/ou da Feira Livre de Brotas; serem produtores associados da APAGIB (Associação dos Produtores Agroindustriais de Brotas) e da AGROFASB (Associação dos Agricultores Familiares de Brotas, São Pedro e Região); serem pequenos e médios produtores de alimentos em Brotas. 

Após a seleção, 21 propriedades foram visitadas para a coleta dos solos para análise laboratorial. Com os resultados obtidos foi possível fazer a classificação dos solos e um laudo para correção da fertilidade. Entre maio e agosto de 2020, a Secretaria de Agricultura, realizou as visitas de orientação técnica a cada proprietário rural. “A ação aproximou o produtor da Secretaria de Agricultura, que também serve como órgão orientador para uma melhor eficiência agrícola”, afirmou Luiz.

Em 2021, a parceria com a UNICEP foi novamente firmada para a realização do segundo ciclo do Projeto Raiz. Dois estudantes da UNICEP foram selecionados para desenvolver seus trabalhos de conclusão de curso, TCC, a partir das atividades propostas no projeto, são eles: Guilherme Simões e Guilherme Augusto Lopes de Souza. 

Segundo o secretário, a proposta foi fazer as análises químicas do solo de alguns produtores que participaram no ano anterior, para saber se houve melhora na fertilidade do solo a partir das orientações e recomendações de adubação e também aumentar o número de produtores atendidos. 

Os novos produtores passaram pelas análises químicas iniciais e também física do solo. “Desta forma, neste segundo ciclo, o projeto atendeu 11 produtores que já haviam participado do ciclo anterior, e mais 14 novos produtores, totalizando 25 produtores”.

De início os produtores, tanto do primeiro, quanto do segundo ciclo responderam a um questionário. Na sequência foram realizadas coletas das amostras de solo que foram analisadas no Laboratório de Análise e Fertilidade de Solos da UNICEP. Ao receber o resultado da análise química e física do solo dos produtores do primeiro e do segundo ciclo do projeto, foi possível preparar os laudos técnico dos produtores, que foram entregues aos produtores, com as devidas orientações técnicas pela Secretaria Municipal de Agricultura.

“Realizar o Projeto Raiz, coleta, análise química, física do solo, identificação e classificação do solo e recomendação para correção da fertilidade dos solos de pequenos e médios produtores, com apoio da UNICEP, através dos professores Fernando Cesar Bertolani, Luiz Roberto Paschoal, Cristiana de Gaspari Pezzopane e seus alunos orientados está sendo muito importante para o bom desenvolvimento rural em nosso município”, afirmou o secretário. 

No final de 2021, a Secretaria Municipal de Agricultura de Brotas foi premiada no programa Estadual “Cidadania no Campo - Município Agro”, que incentiva, por meio de mecanismos técnicos, o desenvolvimento e a implantação de políticas públicas relacionadas ao setor agropecuário, sendo executado pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, em parceria com as prefeituras que participam do Sistema Estadual de Desenvolvimento Rural Sustentável.

Segundo a secretaria, no ano anterior Brotas melhorou seu desempenho saltando da 40ª para 19ª posição no ranking estadual, que registrou a participação de 410 municípios paulistas. 

“Para nós este prêmio mostra que estamos no caminho certo, estamos conseguindo aproximar o campo da cidade e vice-versa, levar cidadania e desenvolvimento rural a todo nosso território, aos produtores e proprietários rurais de Brotas”, finalizou o secretário.

Texto: Ana Lívia Schiavone 
 

Cadastre seu e-mail

E receba novidades exclusivas

Compartilhe