Educação Física da UNICEP realizou simpósio sobre interfaces da profissão

Nos dias 26 e 27 de outubro a UNICEP realizou o 11º Simpósio de Educação Física da UNICEP, sob o tema “Educação Física: interfaces da profissão”.

O evento começou com a palestra “Trajetórias Esportivas: Os desafios e vivências da Iniciação Esportiva até os Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020”, com o Prof. Miguel Junio que trabalha há 11 anos com o paratleta Carlos Rafael Viana (Carlinhos), atleta do Thriatlon Paralímpico.

“Foram várias situações, várias fases até chegarmos no trabalho de um atleta de categoria de base, iniciação esportiva, até ele se tornar um atleta olímpico, paralímpico no caso”, contou Miguel sobre os 11 anos de treinamento e continuou: “Passamos por muitas situações difíceis, muitas adaptações foram necessárias e para os educadores, a palestra é importante para eles vivenciarem um pouquinho da prática de como funciona fora do campo acadêmico”.

Ele também contou que foi aluno da UNICEP: “Muitas coisas acontecem na prática, por isso eu acredito que a junção teoria e prática são indispensáveis, você não consegue executar bem uma delas se não tiver a outra. E para os estudantes que começaram agora o curso, o que eles podem vislumbrar? Quais seriam as possibilidades que eles têm de trabalho? Será que é apenas a academia? Ou apenas a escola? Ou apenas o mundo de personal trainer? Ou será que eles podem pensar mais alto e chegar a uma olimpíada, uma copa do mundo? Eu acredito que sim, eu sou uma prova viva disso e foi isso que eu passei para eles.”.

E finalizou: “É uma honra poder participar, sempre falo que quando faço uma ação na UNICEP, a convite dos professores, é como voltar para minha casa, a UNICEP foi minha casa durante quatro anos, então poder voltar e conversar com novos alunos e ver o quanto a instituição cresceu é um motivo de muito orgulho. Eu me sinto lisonjeado e muito feliz em poder retornar e passar minha experiência para os estudantes, isso é muito importante para que você valorize a profissão.”.

Ainda no primeiro dia do evento aconteceu a palestra “Fisiologia da glândula pineal e as relações da melatonina com o exercício físico”, com o Prof. Dr. Wladimir Rafael Beck. 

Wladimir explicou que as relações da melatonina com o exercício físico. “A glândula pineal produz melatonina, hormônio responsável principalmente pelo controle de nosso ritmo circadiano. Alterações nesse ritmo biológico podem causar importantes problemas de saúde, por isso, muita atenção tem sido dada ao adequado controle cronobiológico. Apesar disso, a melatonina também possui outras funções, que tem sido cada vez mais investigadas. Alguns desses efeitos fisiológicos podem apresentar relação com a prática do exercício físico e com o processo de recuperação após o esforço, tema muito sensível aos profissionais de Educação Física.”.

E concluiu: “Fiquei muito grato pelo convite. Foi minha primeira atividade junto a UNICEP, participando desse simpósio. A atividade foi muito produtiva e espero ter contribuído um pouco com o evento.”.

Para finalizar os estudantes participaram da palestra “Aplicações da Psicologia na atuação do Personal Trainer”, com a Psicóloga, Dra. Mirella Lopez Martini Fernandes Paiva, o Educado Físico, Prof. Maicon Rodrigues de Moraes e o moderador, Prof. Ms. Germano M. Peneireiro.

Para assistir as palestras do simpósio clique aqui!

Texto: Ana Lívia Schiavone
 

Cadastre seu e-mail

E receba novidades exclusivas

Compartilhe